[RESENHA] Alys – Elemento Ômega, Priscila Gonçalves

Alys, Elemento Ômega começa pouco tempo depois do final do livro anterior. Alys, a elemental, continua sua busca para controlar os metais dentro de si, e o novo metal ômega capaz de ajuda-la ainda mais na luta contra o mal, enquanto seu guardião ferido em batalha vegeta em coma sem muita esperança de recuperação.
Livro: Alys – Elemento Ômega
Autora: Priscila Gonçalves
Editora: Coerência
Páginas: 220

“Só estou dizendo que ainda te falta um pouco de fé em si mesma, não adianta o mundo inteiro começar a acreditar se você mesma não fizer isso.” p. 137
 
Enquanto tenta compreender e controlar os poderes que possui, Alys está
rodeada de decisões difíceis e situações piores ainda. Helyx continua sendo uma
ameaça e seus ataques agora estão voltados, principalmente, para crianças
inocentes. Todos estão treinando a fim de defender o povo, e a grande decisão
de revelar aos humanos não mágicos sobre os metais parece a coisa certa se
fazer.

 
“Eu, mais do que ninguém, posso falar sobre as consequências de esconder a verdade para proteger quem se ama. Não funciona, só traz dor e prejuízo.”p. 11
 
Alys, agora mais experiente, encara desafios cada vez mais difíceis e
perigosos tentando controlar o grande poder que possui e dar ao povo aquilo, o que
ele mais precisa: paz. O que ela não sabe é que com seu jeito meio atrapalhado
e grande coração de dragão, é mais que a elemental, é a esperança que eles
precisam para continuar lutando.
 
Grandes batalhas, muitas emoções e perdas dolorosas, é assim que se
passa mais uma incrível e empolgante história da Priscila Golçalves. Quem
acompanha minhas resenhas sabe o quanto me apaixonei pelo livro 1 e é uma honra
incrível poder ler e trazer para vocês a resenha do 2.
 
A Priscila tem um jeito empolgante de desenvolver suas histórias do tipo
que vai cativando e envolvendo o leitor e quando a gente menos espera chega ao
fim da história e só consegue pensar: Uauuu.
 
“- Alguma coisa está mudando dentro das pessoas desde que você despertou como Elemental.– É verdade, não sei bem como explicar o porque. Mas fazia tempo que as pessoas não tinham algo tão importante.– Que seria?– Esperança.”P. 73
 
Ainda mais emocionante que o primeiro, além do amadurecimento da Alys, acompanhamos
como uma jovem garota toma as rédeas da sua vida  e dá o melhor de si por aqueles que amam.
Como a menina comum e atrapalhada se transforma em uma hábil e forte guerreira símbolo
de tudo aquilo que mais se precisa principalmente nos dias atuais: esperança e
fé na humanidade.
 
 
E o final… Ah, o final. Só digo uma coisa: leiam até a última palavra.
Vale muito a pena.
 
Se você ainda tem alguma dúvida se deve ler esse livro, só te digo que
além da revisão maravilhosa esse livro possui uma capa e diagramação incríveis. Além de uma história fantástica que nos fisga e nos envolve. Mais uma fantasia
nacional incrível que eu li, curti e recomendo.
 
“As pessoas acreditam que ose seus medos podem ser o pior a acontecer, na maioria das vezes ter os desejos mais íntimos virando realidade é que pode enlouquece-las.” p. 88

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *